segunda-feira, 20 de julho de 2015

Como eu Fiz: Poções Harry Potter


     Não sei vocês, mas depois de Defesa Contra as Artes das Trevas a aula que eu mais desejava ter caso estudasse em Hogwarts, era Poções (é claro que isso se devia mais ao professor do que a qualquer outra coisa, mas enfim). Por este motivo, as poções não poderiam ficar de fora neste mês especial recheado de projetos de Harry Potter! Depois de fazer a Placa das Direções, os Feijõezinhos de Todos os Sabores, o Suco de Abóbora e o Porta Colares do Patrono, comecei a pensar em outras coisas que também poderiam ser feitas, e foi ai que tive a ideia das poções (e algumas outras que ainda vão aparecer por aqui!). Eu já havia visto diferentes tutoriais na internet, mas resolvi simplificar e fazer de uma forma diferente, e muito rápida!

"-Vocês estão aqui para aprender a ciência sutil e a arte exata do preparo de poções - começou. Falava pouco acima de um sussurro, mas eles não perderam nenhuma palavra. Como a Profa. Minerva, Snape tinha o dom de manter uma classe silenciosa sem esforço. - Como aqui não fazemos gestos tolos, muitos de vocês podem pensar que isto não é mágica. (...) Posso ensinar-lhes a engarrafar fama, a cozinhar glória, até a zumbificar, se não forem o bando de cabeças-ocas que geralmente me mandam ensinar". Harry Potter e a Pedra Filosofal.

Materiais

☑ 04 vidrinhos com rolha de tamanhos diferentes.
☑ Tinta Acrilex das cores escolhidas.
☑ Papel Pardo.
☑ Caneta permanente preta.
☑ Cola Branca.


Como eu Fiz

      Este projeto é dividido em apenas três etapas. A primeira foi escolher os vidros e enchê-los com um pouco de água. Grande parte dos tutoriais utiliza a cola de isopor, e eu indico o uso caso você queira algo mais durável. Mas, como eu não tinha a cola em casa, optei por utilizar água como alternativa (foi uma ótima escolha, pois a cor de rosa deu errado duas vezes e tive que refazer a mistura). Logo depois, escolhi quais as poções seriam representadas e as cores (Amortentia - Rosa, Polissuco - Verde, Sorte Líquida - Transparente e Felix Felicis - Amarelo). Pinguei uma gota de tinta em cada um dos vidrinhos correspondentes, fechei com as rolhas e pronto! A terceira - e última - etapa foi confeccionar os rótulos. Minha primeira ideia era imprimir os originais em papel adesivo, mas acabei optando por fazê-los de forma manual. Utilizei pedacinhos de papel pardo, onde escrevi os nomes das poções. Queimei as bordas dos rótulos, para dar um aspecto de pergaminho e colei nos vidros usando a cola branca, que também usei para dar brilho, passando uma camada por cima. E é isso! Fácil, rápido e o resultado fica muito bacana! Que tal tentar também? 

2 comentários:

  1. tenho que fazer um poção dessa para o meu namorado ^^

    Com carinho, Hina | Aishiteru em Contos | MelanCria Html |

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É simples, mas muito legal para dar de presente! Um beijo : *

      Excluir