sábado, 18 de abril de 2015

Meme: 3 Livros que Mudaram Minha Vida

   

   Faz algum tempo que comecei a participar do grupo Rotaroots de auto-ajuda entre blogueiros, mas ainda não tinha feito nenhuma postagem dos projetos deles. Todos os meses são lançados os temas da Blogagem Coletiva e os Memes, e como este mês um deles tem livros como parte da temática, resolvi fazer o meme que propõe a escolha dos três livros que mudaram a minha vida. O Meme é como uma Tag, um desafio pré-determinado onde compartilha-se uma determinada quantidade de coisas dentro do tema proposto, mas não é necessário indicar outros blogs. É complicado escolher apenas três, já que os livros são uma espécie de refúgio para mim há anos. Mas, colocando na balança, estes me marcaram em fases diferentes e cada qual a sua maneira, por isto tinham mesmo que estar neste "top três". 

1. As Crônicas de Nárnia - C. S. Lewis

Desde que conheci as histórias de C.S. Lewis, foi amor à primeira vista. O fato dele ter inspirações visivelmente  cristãs e toda a complexidade que envolve a criação de Nárnia: seus lugares fantásticos, animais falantes, reis e rainhas... me encanta muito. Depois dos livros de Ficção Científica, os que envolvem magia e fantasia são meus favoritos. Comprei o volume único em um momento delicado, quando minha mãe estava muito doente, e terminei a leitura pouco antes dela partir. Por alguns momentos, Nárnia representava um lugar para o qual eu podia me transportar, deixar os sofrimentos de lado e observar como o autor usa a fantasia para - de certa forma - representar fatos que do "mundo real" (Além de toda a discussão que envolve o bem e o mal, as escolhas dos indivíduos e as consequências das mesmas).

2. Harry Potter e a Pedra Filosofal - J. K. Rowling

Quando eu era criança meus pais se separaram e foi um período muito difícil. Nesta época conheci a história do Menino Que Sobreviveu e o mundo mágico criado por J. K. Rowling. De certa forma me identifiquei com ele, com suas aventuras. Por muitos anos, à medida que os novos livros e filmes eram lançados e eu os lia/ assistia, vivenciava - de certo modo - aquilo que as páginas e a tela mostravam. Por mais que muitos enxerguem a série apenas como uma literatura infanto juvenil, ainda hoje a história me encanta, envolve, comove (em determinados momentos) e principalmente, me faz querer levá-la comigo por muitos e muitos anos. 

3. A Cidade do Sol - Khaled Hosseini

No segundo ano do ensino médio, pedi Romeu e Julieta emprestado para uma professora de literatura, e ela acabou me trazendo este livro. Na ocasião me disse que eu gostaria muito mais da história do autor Khaled Hosseini do que do conto clássico de Shakespeare. Aceitei o livro, mas como não era exatamente o que eu havia pedido, não comecei a ler de imediato. No ano seguinte, a professora acabou se mudando para outro estado, e permitiu que eu ficasse definitivamente com o livro. Nesta época, eu já havia lido ele duas vezes e emprestado a uma amiga. É difícil explicar o que realmente me encanta neste livro, ou até porque gosto tanto dele. Conta uma história sofrida, de duas mulheres que viveram no auge do Regime Talibã, e que - em dado momento - seja pelas circunstâncias ou pela simples ação do destino, acabam se encontrando e mudando para sempre a história uma da outra. Acredito que me fez pensar em toda a minha vida, principalmente na liberdade que possuo e em como existem realidades extremamente diferentes da minha em outros países. Em suma, me faz dar ainda mais valor a minha família, amigos e ao que possuo de alguma forma. 

  E é isso! Foi um post um tanto complexo, principalmente para um Meme. Mas, por mais que no início eu tenha tido dificuldades em escolher os livros e, até mesmo em escrever a justificativa de cada um, foi uma experiência interessante pensar como os tantos livros que leio realmente me marcam, o que eles deixam. Como disse lá em cima, não é necessário indicar alguém, mas se você gostou e quer responder também, participe do Rotaroots! Tem muitos outros temas legais por lá!

4 comentários:

  1. Eu tenho A Cidade o Sol e não terminei de ler, é um livro lindo e que te choca por diversas vezes em situações que pra ela era normal, acho que por isso ainda não terminei, mas com certeza pretendo! Amei o blog :)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu já li umas três vezes até hoje. Realmente, a história nos choca diversas vezes pelo fato da realidade delas ser tão diferente da nossa. Termina sim! O final é surpreendente :D Um beijo : *

      Excluir
  2. Oi Letticia!
    Li praticamente os três livros que você citou. Digo praticamente porque Nárnia ainda não acabei :/
    Adorei esse meme do Rotaroots, que aliás eu também participo! Mas pela falta de tempo nem tinha visto os temas ainda, hehe :x
    Enfim, HP marcou a vida de tanta gente, né? Isso que eu mais gosto nessa saga! Eu li na adolescencia já, mas mesmo assim pude sentir um pouco daquela magia toda! A Cidade do Sol é simplesmente impressionante, mas do autor o que mais me marcou foi O Caçador de Pipas. Até hoje lembro da frase "Por você faria isso mil vezes" e me dá um aperto no coração!

    Um abraço,
    http://winterbird.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ei Jéssica! Eu acabei de ler Nárnia rápido, mas demorei pra comprar (estava esperando a promoção). Eu nunca tinha participado de nenhum dos projetos deles, mas esse Meme me chamou a atenção. Pois é, Harry Potter é amor <3 Acredita que eu ainda não li O Caçador de Pipas? Não sei porque! Mas vou ler logo logo! Um beijo : *

      Excluir